terça-feira, abril 17, 2007

Primavera

O problema todo é que as pessoas não explicam direito o que elas querem dizer. Claro que eu tive que rir à beça quando me falaram que o mais legal de morar em Washington era perceber direitinho a mudança nas estações do ano. Na boa, perceber direitinho a mudança nas estações do ano não enche a barriga de ninguém. Deus me livre morar numa cidade em que o mais legal fosse isso. Óbvio, não devia ser isso o que a pessoa queria dizer. Washington deve ter um milhão de outras coisas legais. Mas que é legal perceber direitinho a mudança das estações do ano - ah, isso é. Principalmente pra quem nasceu em Brasília, onde o ano se divide entre a estação das chuvas (quando a gente mofa) e da seca (quando a gente esturrica, mas se diverte). O que eu quero explicar – direitinho – é que o legal mesmo não é que a estação muda de verdade. É que a estação muda de verdade no dia certo. Quer dizer: no dia 21 de março começa a nascer um monte de brotinho verde na árvore que até então parecia morta. E aí por diante, a vida começa a acontecer num ritmo totalmente diferente. De repente as pessoas saem dos seus casacos como quem sai de um casulo, e Paris fica cheia de borboletas – todo mundo vestido de primavera. As crianças, as tulipas, as varandas, todo mundo está na primavera. Até eu, que agora uso franja. Até a minha vizinha, que fez um chá da tarde na sacada.

8 comentários:

Anônimo disse...

Tsc, tsc, tsc. Janela indiscreta, invasão de privacidade :))) Alberto

Anônimo disse...

adorei a franja. bem vinda a trupe! :) beijocas, sá.

Felipe Campbell disse...

Esse negocio de mudança de estação só fui entender quando viajei pro primeiro mundo. Ai que me toquei porque o Natal dos desenhos animados era cheio de neve e frio. Enquanto a gente ia passar o Natal na praia, 40 graus, estorricando.

Beijocas

Anônimo disse...

Encontrei sua família no casamento da Simone e a sua mãe me disse que eles usam bastante as roupinhas! Fico muito feliz de saber que esses fofuchos ficaram protegidos do frio!
Aproveite a primavera e o verão para deixá-los bem peladões, porque no próximo inverno vai ser uma farra vestir esses pequenos travessos com um monte de roupas novamente!
Aliás, não sei como são as coisas por aí, mas no Canadá essa é uma época excelente pra comprar roupas para o próximo inverno, pois as promoções são ótimas. Ainda mais por que nem adianta gastar muito com as roupas dos meninos que serão descartadas no fim da estação e nem servirão para o outro ano...
Saudades!
BEijos aos quatro!
Ana Cristina

Johnny Papoula disse...

Ai meu Deus.
Comadre.
Ainda bem que chegou esse blog. Assim eu posso ficar sabendo como andam as coisas por aí.
Alberto anda me escrevendo, mas não tanto quando vocês moravam em Brasília.
Beijos. Se Deus quiser, em novembro estaremos por aí.
Beijos pra vc, Beto, João e Pedro.

Anônimo disse...

Não faz muita propaganda que o b. exelmans vai ficar concorrido!!!
quer dizer, já tá!
saudadona...
Ju

Eva Jucá disse...

Carol, agora vc vê que delícia que é a mudança de estação! É muito legal isso do dia né, e eu acho que a mudança do inverno para a primavera é a mais notada, principalmente pela "saída dos casulos" para a entrada nas roupas leves e coloridas, e não mais as marrons, cinzas e pretas.
Aproveite a estação!!
Bjs
Eva Jucá

Anônimo disse...

A primavera chegou atrasadinha em Washington este ano. Foi engraçado ver o desespero das pessoas, as explicações na TV e todo o blá blá blá de global warming.
Amiga, é legl ver a mudança das estações, né? Ms o mais legal é ver o inverno acabar!
Pê, a washingtonian